Em meados de dezembro/08 fiz um pequeno canteiro e plantei algumas sementes de cevada cervejeira, gentilmente cedidas pelo pessoal da Agrária. Algumas plantas já começam a formar as espigas. O propósito é aproximar ainda mais o visitante que vem à Falke, das matérias primas usadas na fabricação da cerveja. Ou seja, a pessoa materializa aquilo que só via em fotos e filmes. Temos também um pé de lúpulo, já famoso, que hiberna de abril a setembro. As fotos anexadas são de hoje, 02 de fevereiro/09.
Lúpulo: no detalhe a formação das flores polinizadoras (não é o cone, que só é produzido pela planta fêmea). Nosso exemplar é masculino.

A raiz, de onde são tirados os rizomas. Quando a planta hiberna só ela permanece.

O pé de lúpulo, cobrindo toda a árvore
Canteiro de Cevada Cervejeira
Outra espiga em formação

A espiga se formando


Comentários

  1. confrade falcone! em breve produxindo o próprio malte! rsrsrsrs

    um abraço!

    ResponderExcluir
  2. E mais, Diego, vou criar uma mini maltaria para germinar as espiguinhas, hahaha!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Lançamento da Larouse da Cerveja, no Bar Anhanguera em São Paulo

Viagem ao Peru

Diga-me com quem bebes e te direis quem és!